sábado, junho 05, 2010

Recortes de um fim de mundo 4 - Bunker

Quando Lúcio viu Matrix pela primeira vez, tinha quinze anos. Quando Lúcio viu Matrix pela décima segunda vez, também tinha quinze anos. E desde então, não pensou em outra coisa. Por sua determinação, talvez o fim do mundo tenha chegado mais cedo para ele do que para as outras pessoas.
Lúcio morava com a mãe. O porão da casa era um lugar velho e fedorento, que se dedicou a arrumar por alguns meses. Não se sabe ao certo quanto tempo levou para arrumar tudo. E não se sabe ao certo em quanto tempo Lúcio mudou seu quarto para aquele lugar úmido e escuro, que sua mãe, sem sucesso, pedia tanto para ele abandonar.
Não se sabe ao certo como ele conseguiu traçar seu plano. Os dados desta época ainda são muito imprecisos. Sabe se apenas que Lúcio ficou trancafiado no porão por duas semanas, sem falar com ninguém, só se alimentando do que tinha guardado lá dentro. Ele não abriu a porta nem com as insistentes investidas da mãe. Nem mesmo quando as goteiras iam tornando-se insuportáveis. E quando por fim terminou a sua missão, abriu a porta e foi engolido pela enchente.

Um comentário:

  1. Nossa! esse é surpreendente! a última frase!!! muda tudo! curti muito!

    ResponderExcluir